domingo, 27 de outubro de 2013

O CAOS NA VIDA DA MULHER





Ser mulher implica uma tal diversidade de tarefas, trabalhar em múltiplas frentes em simultâneo, chegarmos ao fim do dia esgotadas, com algumas das tarefas esquecidas ou adiadas.
Dizemos sempre para a semana “vou fazer desta e daquela forma e vai tudo correr bem”, mas o caos e o cansaço mantêm-se. É a visão do inferno, mesmo igual ao que o Sr. Abade nos ensinou, com chamas amarelas e vermelhas, diabos em forma de gente, com caras que conhecemos de qualquer lado e temperatura idêntica à que sentimos quando estamos com 40º de febre.
Vamos definitivamente ter que mudar.
Primeiro facto a ter em conta: não se sai do caos de um dia para o outro, é necessário planear, pondo tudo nos seus respectivos lugares, ter a noção de que é normal falhar esporadicamente. Decididamente não queremos transformar-mo-nos em autómatos, mulheres chatas com tudo tão programado, incapazes de criar soluções para os imprevistos, de dar uma boa gargalhada, de contar uma história real hilariante.
 Vamos  pertencer ao clube exclusivo das mulheres organizadas, criativas e espirituosas



Enviar um comentário