domingo, 22 de dezembro de 2013

A PRÁTICA DE EXERCÍCIO FÍSICO E A PREVENÇÃO DA DEMÊNCIA

A PRÁTICA DE EXERCÍCIO FÍSICO E A PREVENÇÃO DA DEMÊNCIA 


PELA SUA SAÚDE 

A prática de exercício físico

Se não faz exercício físico há muito tempo, deve habituar-se à ideia que o exercício físico é benéfico, começando por se movimentar mais do que o habitual.
Deixe de usar o elevador e passe a utilizar as escadas, estacione mais longe do que o habitual e faça o restante percurso a pé, vá dar um passeio pelo quarteirão com uma amiga. Uma vez mentalizada de que se cumprir um programa de exercício físico, vai obter retorno dessa actividade ao nível da saúde de imediato e no futuro, parta para a prática regular de exercício.
Inicie o seu plano de exercício físico com a prática, de cinco vezes por semana, de uma actividade aeróbica, como caminhar com passo rápido, nadar, andar de bicicleta ou qualquer outro tipo de actividade que faça aumentar a sua frequência cardíaca.


EXERCÍCIO FÍSICO AERÓBICO



Exercício físico anaeróbico, com treino de resistência e força três vezes por semana e exercícios de equilíbrio e coordenação motora também três vezes por semana com uma duração de cerca de 30 minutos.
Os exercícios de equilíbrio e coordenação motora podem ser feitos com bolas e discos de equilíbrio ou com a prática de Yoga, ou Pilatos.


YOGA


Muitas pessoas inscrevem-se num ginásio e passado muito pouco tempo começam a faltar, arranjando mil e um justificações. Para evitar que desista passado pouco tempo deixo três dicas:
1.       A fase inicial, de que já falei, em que vai começar a movimentar-se mais e interiorizar bem, que o exercício físico é um investimento que está a fazer em si mesmo.
2.       Arranje uma pessoa amiga para iniciar consigo este programa, vai diminuir a tentação de desistir para não defraudar o outro e ser responsável pela eventual desistência dessa pessoa.
3.       O brigue-se mesmo a fazer o seu plano de exercício físico de 28 dias, porque segundo estudos realizados após esse tempo a prática do exercício passou a tornar-se num hábito chegando mesmo a sentir falta de fazer exercício.


 
SÓ TEM A GANHAR





Enviar um comentário